segunda-feira, 29 de outubro de 2012

A força é minha! O interesse é meu.




Mais um dia limpa.
Depois do Caps fiquei em casa, sem muitas novidades.
Muito calor hoje. Um desânimooooooooo. Aff!
Mas o importante é que estou bem só por hoje. Cada dia em que nós decidimos chegar limpo ao final dele já é um milagre.
Se entregar é fácil demais. Difícil mesmo é lutar, dizer não para si mesmo, buscar ajuda. 
Olhar para si mesmo e decidir se erguer quando todos te apontam o dedo dizendo que você não tem mais jeito. Acreditar nisto é um erro. As pessoas tem medo de admitirem que são impotentes perante o problema e preferem condenar para não ter que estender a mão ou simplesmente viram as costas, é mais fácil. No final ainda dizem: Fiz de tudo para ajudar...
Deveriam dizer: "Critiquei o quanto pude e não adiantou".
Com excessão do carinho que recebemos aqui no blog, das pessoas das salas que frequntamos,
não podemos nos iludir com o resto das pessoas, elas não entendem.
Mas também não importa, não espere compaixão de ninguém, só você pode se ajudar, ninguém o fará acredite. Só você ! Somos um exército de um homem só. Custou, mas entendi.


Grata senhor por mais um dia.

6 comentários:

  1. Parabéns mulher...fenix...desculpa se eu te falar besteira...na verdade só queria entender, o que seria ajuda pra vcs?..te pergunto isso pq meu marido diz a mesma coisa, que as pessoas só se preocupam em julga-lo mais em ajudar nada...que só sabem empurrar ele pro fundo e ninguém estende a mão...bjuuuu

    ResponderExcluir
  2. Imagine, nunca pensaria que vc pudesse estar falando besteira, aqui temos liberdade para conversar sobre o que quisermos, esta é a idéia.
    Cada caso é um caso amiga! Quando ele diz que as pessoas só pensam em julgá-lo mas em ajudar nada, creio que esteja se referindo a aquelas pessoas que até podem ter a intenção de ajudar mas não sabem como abordar, abordam de uma maneira ignorante, crítica e isso faz com que a gente se sinta pior ainda, uma vez que a consciência já está cheia de culpa.
    O momento do uso é só emoção mas o depois é só depressão e culpa, a gente se sente a pior das criaturas e é quando a gente mesmo sem merecer, lá no fundo tem esperança de que chegue alguém que não coloque em evidência o nosso erro, que apenas nos abrace carinhosamente e diga que tudo vai passar. Que deixe claro que vai estar ali sem julgamentos.
    A dependência trás pra gente um sentimento de solidão infinito. Uma necessidade de ser amado incondicionalmente...
    Estender a mão para mim, no meu caso em particular, já me bastaria não viver o terror das fofocas e críticas que acontecem da parte da família do meu marido.
    Quando eu estava limpa (1 ano e meio) e me deixava manipular por eles porque queria agradar, eu tinha o suposto carinho e amizade que eu queria, mas quando decidi saie da igreja eles passam por mim e viram a cara, isto antes mesmo de eu recair da primeira vez.
    Na recaída eu esperava que no papel de pastor meu sogro viesse ao menos orar por mim, ele veio aqui em casa mas não para orar e sim para dizer que a casa estava suja, que as paredes da cozinha precisavam ser limpas e o pó precisa ser tirado.
    Eu fui secretária da igreja entende? No mínimo eu esperava uma oração. As irmãs que me beijavam e elogiavam hoje me viram o rosto. Que raio de evangelho é este? Só para os sãos?
    Eu sei que alguns deles acompanham meu blog, muita coisa que escrevo é desabafo mesmo.
    Mas enfim, espero ter esclarecido um pouco das suas dúvidas. Obrigada poe estar sempre aqui,
    por se interessar. Isto para mim é uma ajuda imensa.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Me fez entender um pouco..ele...porém ele diz diretamente de mim...que e não quero ajuda-lo..é que como ele ainda ta "cego" por essa doença...ele quer a ajuda que ele julga melhor...eu tenho amor incondicional por ele..é claro que as vezes estouro...mais a ajuda que eu posso dar a ele é tentar tirar essa venda que o deixa cego...e a unica forma é ele perceber as consequencias do se uso...e se eu der a ajuda que ele quer...que seria viver uma vida de paz, como se essa doença não existisse só ira atrapalha-lo...ai ele acaba se justificando pra ele mesmo...que eiu o humilho quando digo que não aceito a adicção...dele...rs...vamos ver...como será o desenrolar...afinal no mais lhe será revelado né...bjinhus amiga..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se preocupe amiga, isto também passa.
      Um dia vcs acabam se entendendo vc vai ver.
      BJs.

      Excluir
  4. Respostas
    1. Obrigada amiga.
      Grande beijo pra vc também.
      TAmujuntas.

      Excluir